segunda-feira, 2 de janeiro de 2012

Coisa Nova

E na expectativa de ver nascer flor, colho uma tristeza adormecida. Mas não machuca, nem dói. Só espreguiça aqui dentro. É até bonito essa quietude da cor de um entardecer no final de uma estrada. Uma dor quentinha que abraça, até protege e faz lembrar que existe isso de bonito nas tristezas, uma luz que cega alegria velha, mas acende qualquer coisa nova, que se prepara pra nascer.




Vanessa Leonardi

Nenhum comentário:

Postar um comentário