sábado, 5 de março de 2011

Crepúsculo

(...)

E nessa hora de saudade imensa,
Rindo e chorando desce ao coração:
Toda a doçura da melancolia,
Todo o conforto da recordação.




Auta de Souza


Nenhum comentário:

Postar um comentário