quinta-feira, 22 de julho de 2010

Alimento


Ó subalimentados do sonho,
a poesia é para comer!


Natália Corrêa. In: A Defesa do Poeta

Nenhum comentário:

Postar um comentário