segunda-feira, 16 de novembro de 2009

Mutuamente

"O amor, agora sei, é a terra e o mar se inundando
mutuamente."
.
.
Mia Couto. A cantadeira. In: Na Berma de Nenhuma Estrada

Nenhum comentário:

Postar um comentário