segunda-feira, 28 de setembro de 2009

Somente humanos

Quero viver num mundo em que os seres sejam somente humanos, sem outros títulos a não ser estes, sem serem golpeados na cabeça com uma régua, com uma palavra, com um rótulo.

Pablo Neruda. In: Confesso que vivi

Nenhum comentário:

Postar um comentário