quinta-feira, 13 de agosto de 2009

Arte e cotidiano

"... terror, piedade, dor, sofrimento, absurdo, tudo isso, que é o cotidiano do mundo, ao se tornar matéria de uma obra, adquire coerência e beleza."

Jean-Pierre Vernant

Nenhum comentário:

Postar um comentário